Instituto Tecnológico de Aeronáutica - Homepage
Instituto Tecnológico de Aeronáutica

Programa de Pós-Graduação em Aplicações Operacionais - PPGAO

Você está aqui

Programa de Pós-Graduação em Aplicações Operacionais - PPGAO

 

O que é o PPGAO?

O Programa de Pós-Graduação em Aplicações Operacionais (PPGAO) é uma iniciativa inovadora do Comando da Aeronáutica na área de ensino de pós-graduação com foco em Defesa. Ele foi concebido pelo Estado-Maior da Aeronáutica para acontecer de forma transversal na já consagrada pós-graduação do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), e viabiliza a formação sistemática de oficiais nos níveis de mestrado e de doutorado.

Qual a missão do PPGAO?

Promover no ITA a formação sistemática de militares para o exercício de atividades de análise, avaliação, pesquisa e desenvolvimento, por meio da geração e domínio do conhecimento aplicado ao setor operacional de Defesa, em especial da Força Aérea Brasileira.

Quais as áreas do PPGAO?

O PPGAO contempla as áreas e linhas de pesquisa mostradas abaixo, as quais são implementadas de forma transversal em um dos seis Programas Acadêmicos de Pós-Graduação do ITA. Informações mais detalhadas sobre as Áreas e Linhas de Pesquisa do PPGAO estão disponibilizadas no final desta página.

Como funciona a Formação Transversal do PPGAO?

Como um programa transversal, o PPGAO utiliza toda a infraestrutura de cursos já existentes no ITA, reconhecida pelo seu pioneirismo e pela excelência conquistada em seis décadas de ensino de pós-graduação no Brasil. Desta forma, sem criar nenhum curso novo no ITA, o PPGAO conta com seis programas de pós-graduação reconhecidos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior do Ministério da Educação (Capes), nas áreas de engenharia civil, mecânica, aeronáutica, eletrônica, computação, física, ciências e tecnológicas espaciais.  De forma transversal, o PPGAO dispõe de um reconhecido corpo professores doutores credenciados, além da excelente infraestrutura de laboratórios de ensino e pesquisa do ITA e demais Institutos do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA).

Quem pode fazer o PPGAO?

Podem fazer o PPGAO aos oficiais de carreira formados pela Academia da Força Aérea (AFA), e oficiais do quadro e engenheiros e especialistas da Aeronáutica. Também está aberto para oficiais da Academia das Agulhas Negras do Exército e da Escola Naval da Marinha, bem com oficiais com formação superior nas áreas afins do PPGAO.

Como é realizado o PPGAO?

Os oficiais designados para o PPGAO são transferidos para o ITA e matriculados em regime de dedicação acadêmica exclusiva. A duração do curso é de dois anos para mestrado e quatro anos para doutorado.

Como é aplicado o conhecimeto gerado pelo PPGAO?

Após o término do curso, o conselho diretor do PPGAO delibera sobre a destinação do oficial, priorizando a aplicação do conhecimento no ODSA de origem, em geral, ou em outras instituições da FAB em casos específicos.

Mensagem do Coordenador do PPGAO

Caro gestor de capacitação e de pesquisa de sua organização, incentive a formulação de propostas e indicação de candidatos para o PPGAO.

Você, oficial interessado em abraçar uma formação acadêmica de mestrado e doutorado no ITA, informe-se em sua organização militar sobre como participar do PPGAO, seja voluntário para contribuir e se tornar um consultor técnico-científico em aplicações operacionais.

Equipe de Coordenação do PPGAO no ITA

Cel R1 QOECOM OLYMPIO Lucchini Coutinho, Dr.
- Coordenador-Geral
- Coordenador de Área - GE-SR
 
Ten Cel Av Dennys Wallace DUNCAN Imbassahy, Me.
- Coordenador Adjunto
- Coordenador de Área - C2-DC
 
Maj Av Daniel Alberto PAMPLONA, Dr.
- Coordenador Acadêmico
- Coordenador de Área - AO-EL
- Coordenador de Área - SA-AE
- Coordenador de Área - DQBRN-BIO
 
2º Ten QOCON PED NATÁLIA Mendes de Oliveira Leme
- Registro Acadêmico
 
2S QSS BET Felipe LEONAN Lupia Cardoso
- Encarregado Técnico

 

AO-EL - Análise Operacional e Engenharia Logística
C2-DC - Comando e Controle e Defesa Cibernética
GE-SR - Guerra Eletrônica e Sensoriamento Remoto
SA-AE - Sistemas de Armas e Aplicações Espaciais
DQBRN-BIO - Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear e Bioengenharia